Rua Ernesto Moreira, Caldas da Rainha

Como escrever um ótimo script de vídeo explicativo

Tudonumclic - vídeo explicativo

Os vídeos explicativos são ferramentas de comunicação fantásticas para as Marcas, desde que contem a história certa. Mas um bom vídeo explicativo não pode ter sucesso sem um bom script de vídeo explicativo. Mesmo se tiver visuais de classe mundial, um script fraco irá sabotar o seu explicador, tornando-o chato na melhor das hipóteses e confuso na pior das hipóteses. (Há uma razão pela qual uma capa bonita não pode salvar um livro mau.) Infelizmente, muitas Marcas subestimam o quão crucial é um script de vídeo explicativo.

Porquê que o seu script de vídeo explicativo é importante?

Os vídeos explicativos funcionam bem por razões científicas, especificamente relacionadas à Teoria da Codificação Dupla de Allan Paivio. A ideia é que os canais de áudio e visual funcionam separadamente no cérebro, então quando o conteúdo é apresentado simultaneamente por meio de canais de áudio e visual – digamos, imagens no ecrã e narração – a informação é processada mais rapidamente e com maior facilidade.

Uma história forte determina o sucesso de todo o seu vídeo explicativo porque impulsiona os componentes de áudio e visual. Dito isto, muitas Marcas lutam para escrever um roteiro eficaz.

Um bom script de vídeo explicativo dá trabalho

Explicar um conceito complexo ou detalhado já é bastante difícil. Quando tem que destilar esse conceito, contar uma história envolvente, mostrar a personalidade da sua Marca e entregar uma mensagem forte – tudo em uma contagem de palavras incrivelmente limitada – é um truque de magia. É por isso que vemos tantos vídeos explicativos nada bons.

O problema em grande parte resume-se à falta de conhecimento. Felizmente, sabemos o que faz um bom vídeo explicativo e como escrever um script que garanta que será incrível. Se precisar escrever um script de vídeo explicativo do zero ou reformular o atual, siga este guia passo a passo para fortalecer a sua história.

Tudonumclic - Software de Faturação

Como escrever um bom script de vídeo explicativo?

Existem dois aspectos de um roteiro de vídeo explicativo: a história em si e como decide contá-la. A história é a base de tudo, então acertar isso primeiro é imperativo. Veja como fazer isso.

1 – Identifique a sua história

Com muita frequência, vemos explicadores que têm mensagens complicadas, vagueiam por todo o lado ou esperam até o último segundo para chegar ao maldito ponto. Às vezes, é tão perturbador que realmente causa mais danos do que não ter nenhum explicador. Não cometa este erro. O seu trabalho é contar uma história específica de maneira clara e concisa.

A sua história provavelmente cairá numa das duas categorias: solução de problema ou passo a passo do processo. Existem nuances para cada um, por mais sutis que sejam. Seguir esses formatos narrativos irá ajudá-lo a criar um roteiro de vídeo explicativo forte.

  • Problema-Solução: esta é a forma clássica de apresentar o produto ou serviço da sua empresa como o herói que facilita a vida do seu espectador. Torne o problema claro e relacionável e, em seguida, use o arco da história para fazer uma transição natural para a solução. Nota: Não gaste mais tempo com o problema do que com a solução. Quer deixá-los a fantasiar sobre o seu incrível produto ou serviço e não a ruminar sobre o problema frustrante.
  • Visão geral do processo: esta tática pode ser usada para uma visão geral do serviço ou instruções do produto. Nesta abordagem, não há problema. É uma história independente. Descreva a sua narrativa em batidas claras, passando de um ponto a outro de forma limpa e eficiente.

O seu vídeo pode não encaixar-se perfeitamente em nenhuma das categorias, o que é bom. A verdadeira receita para o sucesso com os explicadores é simples: forneça uma configuração básica e uma recompensa para o seu visualizador. Lembre-se sempre:

  • Seja direto e confiante. Quer que o seu espectador confie em si desde o início.
  • Antecipe as perguntas do espectador. Certifique-se de que elas sejam respondidas na história.
Algumas perguntas para ajudá-lo a encontrar a sua história:
  • Por que eu quero contar essa história? Não faça um vídeo explicativo para divertir-se. Conheça o seu objetivo para ajudar a ancorar a sua mensagem e escrever um roteiro eficaz.
  • Qual é o meu ângulo? Num vídeo explicativo, preenche uma lacuna de informação ou expande o conhecimento do espectador. Como está a tornar a vida deles mais fácil?
  • Por que as pessoas vão importar-se? Com quem está a falar e o que eles querem? Quais são os seus pontos problemáticos e como os está a resolver? Esse conhecimento é necessário para ajudá-lo a adaptar a sua mensagem para eles.
  • Que valor isso vai dar? A maneira como isso aparece depende de si, mas deve fornecer algumas informações valiosas.
  • O que o meu espetador deve tirar disso? A sua conclusão deve ter um impacto duradouro. Não deve terminar com uma mensagem abertamente baseada em vendas (isso pode desvendar o trabalho que o seu vídeo explicativo acabou de fazer), mas deve haver uma conclusão definitiva.

Em todas as etapas do processo de criação do script, certifique-se de que a sua história permaneça na frente e no centro.

2 – Destile a sua história

O Reddit tem um subreddit para quase tudo, mas um dos mais intrigantes é Explique como se eu tivesse cinco anos. O conceito é simples: descreva uma ideia com a linguagem – e provavelmente o entusiasmo – que usaria se estivesse a explicar a uma criança de 5 anos. Mesmo que o seu espectador seja altamente educado, o objetivo de um explicador é fornecer informações de forma sucinta.

Mantenha a sua história o mais simples possível, mas não seja condescendente. Gostamos de pensar num roteiro de vídeo explicativo como um livro infantil para adultos: interessante, envolvente e fácil de digerir. (Além disso, quanto mais curto for o seu vídeo, mais mostra respeito pelo tempo do espectador.) Algumas dicas que podem ajudar:

  • Tente escrever o esboço da história em cinco frases. Este exercício irá ajudá-lo a destilar o seu pensamento.
  • Use frases curtas e simples. Escreva como se estivesse a falar com um amigo ou familiar. Tendemos a falar muito mais coloquialmente do que escrevemos, o que é útil ao escrever para locução.

Em caso de dúvida, mantenha-o simples.

Tudonumclic - Gestão de Redes Sociais

3 – Traga o seu espectador para a história

Então, o seu produto entrega pacotes de informação através de cabos marítimos subterrâneos? Muito bom. Tudo o que alguém quer saber é que eles têm uma Internet mais rápida. Procure oportunidades para tornar a narrativa pessoalmente relevante e relacionável; será mais fácil capturar e manter a sua atenção. Ao escrever, lembre-se de:

  • Fale diretamente com eles. Procure oportunidades para colocar o seu espectador no banco do motorista. Por exemplo, em vez de seguir as travessuras de um personagem no ecrã, fale diretamente com o espectador. Escreva na voz da segunda pessoa.
  • Use a linguagem deles. Se forem profissionais acadêmicos, a linguagem deve refletir isso. Mas evite termos desconhecidos ou palavras incômodas que possam confundir as pessoas.

4 – Adicionar emoção

Pode querer fazê-los rir ou puxar o coração dos seus espectadores; de qualquer forma, quanto mais provocar uma resposta emocional, mais envolvidos eles irão ficar. Prenda-os desde o início.

Não precisa contar a maior história de fantasmas de todos os tempos. O que mais importa é contar uma boa história. Use o seu tom, linguagem, anedotas, estatísticas ou qualquer outro dispositivo de narrativa para ajudá-lo a comunicar uma emoção. (Certifique-se de que a emoção é apropriada para o assunto.)

A comunicação eficaz da voz da sua Marca também é um fator importante aqui. As pessoas querem formar um vínculo emocional com um ser humano, então mostre a sua personalidade e posicione-se como um amigo útil e acessível. (Sim, mesmo os explicadores legais ou técnicos ainda podem mostrar algum calor ou charme.)

Tudonumclic - Videos Explicativos

5 – Verifique o seu comprimento

A brevidade é fundamental ao escrever um script de vídeo explicativo. Quanto mais longo, menos impacto terá. Lembre-se: os vídeos explicativos geralmente têm entre 30 segundos e 3 minutos.

  • Observe a sua contagem de palavras. 130-150 palavras por minuto é um ritmo confortável.
  • Execute o seu tempo de leitura. Leia o seu roteiro em voz alta, mas não confie apenas nessa prática para ganhar tempo. Por conhecer o roteiro, irá ler mais rápido do que um locutor com ritmo adequado.

6 – Ajuste para Voice Over

As pessoas que escrevem postagens de blog ou e-books geralmente esquecem que o vídeo é uma fera totalmente diferente. Escrever para vídeo parece bastante fácil; esse é o problema. Embora alguns explicadores não usem narração, o seu provavelmente irá usar; a sua escrita precisa levar isso em conta.

A linguagem que usa deve sair da língua:

  • Evite palavras complicadas. Os dubradores são profissionais, mas isso não significa que não vimos um corte sabotado por uma pronúncia estranha ou uma palavra desajeitada que interrompe o fluxo da história. Se pode dizer isso em menos sílabas, faça isso. Também pode usar o aplicativo Hemingway para rever o seu texto quanto à gramática e facilidade de leitura.
  • Reescreva frases estranhas. Muitos scripts de vídeo explicativos incluem um texto que realmente não corresponde à maneira como falamos naturalmente. Por exemplo, uma tática popular é a pergunta-resposta dentro de um script: “Porque que as compras online são tão frustrantes? Porque não pode experimentar as roupas. Basta dizer: “Comprar online é difícil porque não pode experimentar roupas”. Feito.
Tudonumclic - A arte de movimento

7 – Mostre, não conte

Esta deve ser a regra de ouro para qualquer tipo de escrita, seja um aluno da primeira série ou um autor mestre. Não explique o que pode mostrar. (De acordo com a Psychology Today, os nossos cérebros processam vídeos 60.000 vezes mais rápido que o texto – aproveite isso!)

Tem muitas ferramentas visuais à mão: animação, gráficos em movimento, visualização de dados, texto cinético, etc. Use esses elementos para fazer o trabalho pesado. A visualização de informações ajuda-o a economizar na contagem de palavras e a explicar os conceitos com mais eficiência.

8 – Teste o seu roteiro

A melhor maneira de garantir que seu script soe com pessoas reais é executá-lo por pessoas reais. Se puder, faça um pequeno teste de foco. Isso não precisa ser hipernormal, mas ajuda a obter as suas reações e a fazer os ajustes necessários.

No mínimo, dê o roteiro a um colega para revê-lo (ou ouvi-lo). Obtenha sempre uma segunda opinião, embora uma terceira ou quarta possa ser melhor.

Dicas finais para escrever o seu script de vídeo explicativo

Antes de o lançarmos no mundo para escrever o próximo grande roteiro de vídeo explicativo, deixaremos algumas regras gerais a serem consideradas.

  • Cuidado com o narrador cafona dos desenhos animados. Os seus espectadores não precisam de um personagem chamado “Sally” ou “George” para guiá-los pelo “mundo maravilhoso do seu explicador!” Muitas vezes parece enigmático, piegas ou elementar. (Era quase tolerável quando tínhamos o Clippy da Microsoft para nos seguir através dos documentos do Word.) Certamente pode incluir personagens humanos no explicador, mas não confie em apenas um para atuar como uma espécie de guia turístico inovador.
  • Edite impiedosamente. Mate os seus queridos, como eles dizem. Ninguém consegue um roteiro certo no primeiro rascunho, então escreva e reescreva. Mantenha as frases curtas. Certifique-se de que o tom é apropriado. Crie uma narrativa coesa do início ao fim e corte qualquer coisa que distraia.
  • Mostre a sua experiência. Há uma razão para alguém clicar no seu vídeo explicativo. Eles querem aprender alguma coisa. Demonstre o seu conhecimento em todos os pontos de contato para posicionar a sua Marca como uma fonte confiável. Entregue esse valor e os seus espectadores irão agradecer.

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service
Choose Image
error: ©Direitos Reservados !!
Abrir chat
1
O que podemos oferecer-lhe hoje?
Scan the code
Suporte Tudonumclic
Olá,
Temos sempre alguém pronto para falar consigo. Em que podemos ajudá-lo?