Rua Ernesto Moreira, Caldas da Rainha

Etapas essenciais para construir um negócio de Marca pessoal (1ª parte)

Tudonumclic - Personal Branding

Se quiser aprender a construir um negócio de Marca pessoal, provavelmente também está ciente de que a automatização e a IA estão posicionadas para interromper toda a força de trabalho.

Então, como está a preparar-se para esta mudança? Como está a adaptar-se ao novo mundo?

Especificamente, qual é o processo para transformar as suas ideias e habilidades num negócio legítimo e uma empresa de mídia que irá prosperar na economia do criador?

Nesta série de posts, vamos orientá-lo através de um processo passo a passo que irá permitir-lhe que crie um negócio de Marca pessoal.

Irá aprender como:

  • Encontrar o seu cliente perfeito;
  • Criar ativos online valiosos;
  • Estabelecer uma audiência de assinantes que esperam ansiosamente pelo seu próximo post;
  • Criar uma máquina de mídia que funciona sozinha;
  • Desenvolver ideias de negócios online que geram receitas enquanto dorme.

Vamos lá então começar.

Tudonumclic - O poder das cores
Tudonumclic – Em alternativa ao vulgar

Passo 1: Estabeleça o cliente perfeito para o seu negócio de Marca pessoal

O maior erro que a maioria dos iniciantes comete é não serem específicos o suficiente.

Quando assume o compromisso de construir um negócio de Marca pessoal, é natural que queira falar com o maior número de pessoas possível. Costuma-se dizer que é bom ter várias opções. No entanto, este conselho acaba por ser a sua “ruína”desgraça”.

Faça a si mesmo duas perguntas:

  • Qual é o nicho para o meu negócio online?
  • Quem é o meu cliente?

O primeiro passo é focar-se exatamente em quem deseja servir com o seu conteúdo. Deve perceber desde o início que não pode e não deve querer agradar a todos.

Irá querer que o seu marketing de conteúdo atraia uma determinada pessoa, uma pessoa na qual pode servir melhor do que qualquer outra pessoa no mundo.

Como isso funciona quando constrói uma Marca pessoal?

Antes de prosseguir, recomendamos que faça um exercício.

Agarre um bocado de papel e responda a estas perguntas com honestidade e especificidade.

  • Qual é o nome do seu cliente perfeito?
  • Onde ele/ela mora?
  • Com o que ele/ela está a lutar?
  • Quanto dinheiro o seu cliente perfeito ganha?
  • O que o seu cliente perfeito quer?
  • Qual é o “resultado final” que o seu cliente perfeito está à procura quando compra a si?

Se está a construir ou a renomear a sua empresa, quanto mais específico for, melhor.

Tudo o que fizer a partir deste ponto é feito com o único propósito de atender ao seu “cliente perfeito”.

Depois de estabelecer as bases com o seu público-alvo, poderá mover-se com precisão e foco deste ponto em diante. Irá economizar anos de stress e frustração ao assumir o compromisso de atender a um grupo específico de pessoas que desejam o que oferece.

Entendeu? Ótimo. Vamos para o passo #2.

Tudonumclic - desenhamos os melhores websites .1

Passo 2: Crie um website

Porque começar com um website?

Não é mais fácil criar uma conta no Twitter? Não devo criar uma Substack? Não seria mais barato criar uma conta no Medium e economizar tempo e dinheiro para criar o meu próprio website?

A resposta é sim. Seria mais fácil fazer isso. Mas, isso seria um erro terrível.

Quando constrói uma Marca pessoal no Twitter ou Facebook, ou mesmo no Substack, o que está a fazer é a construir a sua Marca numa propriedade que não possui (comumente referido como meação digital).

Deve sempre possuir o seu canal oficial

Se é o dono do canal, é o dono do seu público. Se possui o público, possui a atenção. Se possui a atenção, ganha o dinheiro.

Quando publica conteúdo no seu próprio website, o crescimento do conteúdo vai aumentando com o tempo. Cada vez que publica algo novo, é uma nova oportunidade a ser encontrado e uma nova ideia que será partilhada.

À medida que mais e mais tráfego começa a chegar ao seu website, o valor do seu website irá aumentar em termos de receita que o tráfego gera, mas também em termos de quanto poderia vender o seu negócio.

Além disso, existem razões mais subtis para ter um website. Pode:

  • Controlar a Marca;
  • Aprender SEO para escritores de conteúdo;
  • Usar as redes sociais para direcionar o tráfego para o seu website;
  • Coletar endereços de e-mail com mais eficiência;
  • Converter facilmente tráfego em vendas, o que coloca dinheiro na sua conta bancária.
Porquê que as redes sociais são perigosas e como usá-las corretamente

Já testemunhamos inúmeras ocasiões em que criadores constroem as suas Marcas inteiras nas redes sociais, apenas para descobrir que um dia a plataforma decidiu que iria fechar as contas.

Jack Butcher teve ambas as contas do Twitter suspensas. Ele conseguiu recuperar o controlo de @visualizevalue, mas a sua outra conta, @value, permanece suspensa e ele nunca a irá recuperar.

exemplo conta suspensa

Para o Jack, foram anos de trabalho que desapareceram num instante.

A realidade é que, quando constrói a sua Marca numa plataforma de terceiros, abre mão do controlo do seu público. O Twitter é que é dono dos seus seguidores no Twitter. O Facebook possui os seus seguidores no Facebook, não é você. Mentalize-se disso de uma vez! Confessamos que é uma batalha que tentamos travar à alguns anos mas não tem sido fácil alterar essa mentalidade.

Portanto, é sempre uma escolha muito melhor construir a sua Marca pessoal num domínio cuja hospedagem é sua e do qual tem controlo total.

A única coisa que pode realmente possuir na internet é o seu website e a sua lista de e-mail.

Existe outro ponto muito importante quando escolhe desenvolver o seu website. Se escolher colocar-se na aventura de desenvolver o seu próprio website tenha em atenção o CMS (Sistema de Gestão de Conteúdos) que vai escolher. Fuja a sete pés de soluções tipo Wix ou Shopify. Pode ser interessante a nível de visibilidade mas não se esqueça de que é a mesma coisa de ter uma loja dentro de um centro comercial. Os clientes têm acesso às suas ofertas mas a concorrencia está ali mesmo ao lado.

Tudonumclic - desenhamos os melhores websites

Passo 3: Escreva pelo menos um artigo semanal (no seu website)

Acho que já explicamos bem porque devemos publicar o nosso conteúdo no nosso website. Se não entendeu, reveja o Passo 1.

Mas por agora queremos falar sobre a funcionalidade de criar e publicar conteúdo escrito. As razões para isso são duplas.

Escrever é a melhor maneira de tornar-se um especialista

Construir um negócio de Marca pessoal não acontece por acaso.

Precisa fornecer valor às pessoas de uma forma que o estabeleça como um especialista no seu setor. O seu cliente perfeito deve olhar para si como o especialista em qualquer nicho específico que escolheu seguir.

Qual é a melhor maneira de estabelecer-se como um especialista?

Escrever

Quase todas as pessoas influentes que conheçemos ou admiramos ficaram assim porque gastaram tempo a redigir e a publicar conteúdo escrito.

Ao escrever semanalmente e seguindo um sistema de criação de conteúdo, irá estabelecer-se como uma autoridade e líder do setor, o que é essencial quando deseja construir uma Marca pessoal.

Com o tempo, pode alavancar a sua “autoridade” e usá-la para vender produtos ou serviços. A espinha dorsal de um negócio lucrativo de Marca pessoal é a palavra escrita. Pode até querer estudar as melhores práticas de postagem de convidados para publicar os seus artigos em outros websites (no nosso por exemplo. Incrível como poucos aproveitam a oportunidade que oferecemos).

Escrever é a melhor maneira de obter tráfego orgânico dos mecanismos de pesquisa

Simplificando, o Google adora palavras.

Quando o Google indexa a internet, o que eles estão a fazer é a olhar para as palavras em diferentes páginas da web e, de seguida, “descobrir” o que é cada página. O Google varre a web e determina quais as páginas que devem ser classificadas no topo do Google para diferentes consultas de pesquisa.

Com o tempo, o seu website irá ganhar mais autoridade e o Google irá começar a recompensar os seus esforços de SEO enviando tráfego para si.

A prioridade do Google é responder às perguntas dos seus usuários o mais rápido possível. Então, se o conteúdo que escreve tem grande valor e faz um ótimo trabalho em ajudar as pessoas, o Google iria adorar enviar tráfego para o seu website porque eles querem o melhor para os seus usuários.

Mais sobre SEO daqui a pouco…

Nesta etapa do processo, não precisa preocupar-se muito com SEO. O importante agora é publicar conteúdo de forma consistente e entender que o conteúdo escrito é o melhor investimento que pode fazer no seu negócio de Marca pessoal.

E se é um escritor, ter o seu próprio público interessado nos seus produtos também é útil quando está à procura de uma editora para o seu primeiro livro.

Continua…

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service
Choose Image
error: ©Direitos Reservados !!
Abrir chat
1
O que podemos oferecer-lhe hoje?
Scan the code
Suporte Tudonumclic
Olá,
Temos sempre alguém pronto para falar consigo. Em que podemos ajudá-lo?