Rua Ernesto Moreira, Caldas da Rainha

Como encontrar as palavras-chave certas para a sua estratégia de conteúdo

Tudonumclic - Gestão de Conteúdo

O SEO é um componente crucial de uma estratégia de conteúdo bem-sucedida. Além de dar ao seu conteúdo todo aquele tráfego orgânico bem bom, ele aumenta a visibilidade da sua Marca e a autoridade do seu website, ajudando a garantir que as pessoas que desejam ou precisam do seu tipo de produto ou serviço possam realmente encontrá-lo na Internet – idealmente antes que encontrem os seus concorrentes.

Dito isto, um bom SEO não acontece por acaso (a menos que tenha uma sorte incrível). À medida que a Internet torna-se cada vez mais movimentada, precisa criar conteúdo com as palavras-chave certas para obter as melhores classificações para a sua Marca.

Porquê as palavras-chave são importantes para a sua estratégia de conteúdo

O marketing de conteúdo trata de colocar o conteúdo valioso da sua Marca na frente das pessoas – para posicionar a sua Marca como um recurso útil e, por padrão, uma opção melhor do que os seus concorrentes. Quanto mais forte for a sua estratégia de palavras-chave, maior será a sua classificação e mais pessoas poderão ser expostas e envolverm-se com o seu conteúdo.

No entanto, não se trata apenas de colocar o seu conteúdo na frente das pessoas; quer colocá-lo na frente do tipo certo de pessoas, aquelas que vão encontrar valor no que tem a dizer e que um dia podem precisar dos seus produtos e/ou serviços. É por isso que precisa encontrar as palavras-chave certas para maximizar a sua visibilidade.

No entanto, encontrar as palavras-chave certas para segmentar pode ser complicado. Pode estar a ser muito amplo e pode até obter muito tráfego, mas muito poucas leads. Pode ser muito específico e o seu conteúdo não conseguir destaque. É tudo sobre como encontrar o ponto ideal.

Infelizmente, muitos profissionais de marketing lutam para encontrar as palavras-chave certas – geralmente porque ficam confusos ou intimidados com esse trabalho ou não sabem por onde começar. Alguns jogam mais pelo seguro com palavras-chave de alto nível, fazendo pouco progresso, mas sem saber como alterá-lo. Alguns simplesmente adivinham quais as palavras-chave que devem usar.

Outros adotam a abordagem de pulverizar, “rezar” e simplesmente esperar o melhor. E alguns nem segmentam palavras-chave. (Se cair em qualquer um desses campos, não se culpe demais. Todos já cometemos esses “pecados” em algum momento na última década .)

Felizmente, porém, nunca é tarde para recomeçar – ou começar uma nova estratégia de palavras-chave do zero. Sabemos isso em primeira mão. Há um ano renovamos completamente a nossa estratégia de palavras-chave e aumentamos as leads em 58% em três meses.

Portanto, se está a definhar no purgatório de palavras-chave ou com medo de mergulhar, dizemos que é hora de avançar. Aqui, irá encontrar o nosso guia passo a passo para encontrar as melhores palavras-chave para a sua Marca.

1) Comece com os seus objetivos

Se criou uma estratégia de conteúdo abrangente, deve saber exatamente o que está a tentar alcançar. A sua estratégia de palavras-chave irá apoiar os seus objetivos de negócios maiores. Então, por exemplo, se está a tentar atrair mais negócios para um produto ou serviço específico que oferece, convém priorizar palavras-chave relacionadas a esse assunto.

2) Conheça as suas pessoas

De certa forma, uma estratégia de palavra-chave é a engenharia reversa da experiência do comprador, ajudando-o a identificar:

  • Quem está a tentar alcançar;
  • Em quais informações eles estão interessados;
  • Quais os termos de pesquisa que eles usam para encontrar as informações que desejam.

O “quem” é crucial, e é por isso que precisa definir personas que detalhem os atributos demográficos e psicográficos das pessoas que está a tentar alcançar.

Tudonumclic - Cuidamos da sua Marca

3) Brainstorm as suas palavras-chave

Para aprimorar as palavras-chave certas, comece a compilar uma lista de todas as palavras-chave, assuntos, categorias ou temas que deseja abranger. Se não tem a certeza do que são, converse com os seus principais interessados, especialmente a sua equipa de vendas. (Eles sabem o que os clientes estão a pensar, a procurar e curiosos para saber.)

Também vai querer pesquisar no Google Analytics para identificar quais os termos que as pessoas estão a usar para encontrá-lo agora. (Verifique as suas fontes de tráfego e palavras-chave relacionadas.) Irá restringir uma lista a seguir, mas primeiro deseja identificar todas as palavras-chave em potencial com segurança.

4) Pesquise para encontrar as palavras-chave certas

Agora é hora de mergulhar a fundo nas palavras-chave, identificando e refinando os termos exatos a serem segmentados. Para fazer isso, irá precisar do acesso a ferramentas de palavras-chave como Google Keyword Planner, Wordtracker ou Moz. Estas ferramentas ajudam-no a avaliar o quão difícil será classificar, fornecendo informações sobre o volume de pesquisa, a taxa de cliques etc.

O seu objetivo aqui é identificar candidatos, com base em vários fatores:

  • Volume de pesquisa: quanto mais pessoas pesquisam a palavra-chave (maior o volume), mais difícil é classificar. Quer algo com um volume de pesquisa decente (mas não tão alto que seja impossível classificar).
  • Relevância: quanto mais relevante for a palavra-chave, melhor para a sua Marca (por exemplo, “gelado” x “gelado de baunilha sem glúten”).
  • Concorrência: deve considerar o que os seus concorrentes classificam e quais não são, e onde pode progredir.
Depois de pesquisar todas as palavras-chave em potencial, pode identificar e priorizar as palavras-chave que seriam mais inteligentes de segmentar.

Primeiro, comece com as suas categorias gerais. Pode começar com a sua lista principal de palavras-chave do seu brainstorm anterior, que provavelmente incluirá as palavras-chave gerais relacionadas às suas categorias de produtos ou serviços. Insira cada termo e avalie as informações fornecidas pela sua ferramenta de palavras-chave, incluindo o volume de pesquisa, a taxa de cliques, a dificuldade de palavras-chave etc. (usamos Moz, FYI.)

Enquanto pesquisa lembre-se de que a estratégia de palavras-chave é meio arte, meio ciência. Mesmo se estiver a segmentar um termo mais difícil (em termos de volume de pesquisa), ainda poderá classificar. Não há intervalo específico para segmentar o volume de pesquisa; no entanto, considere intervalos de dificuldade de palavra-chave.

“pessoalmente considero as pontuações de [Dificuldade da palavra-chave] na faixa de 20 a 35 como bastante baixas, 36 a 50 no meio, 51 a 65 bastante difíceis e 66 a 80 muito difíceis. ”

Rand Fishkin, da Moz

Em última análise, depende dos seus objetivos, autoridade de domínio, relevância etc. (Experimentar também é uma grande parte da estratégia de conteúdo.)

Por exemplo, conforme construímos a nossa estratégia de conteúdo, sabíamos que precisaríamos criar conteúdo para oferecer suporte aos nossos serviços principais, como infográficos, gráficos em movimento, estratégia de conteúdo etc. No entanto, quando se tratava das palavras-chave reais, precisávamos identificar os termos específicos a serem usados, bem como as variações (por exemplo, “infográfico” vs. “infográficos” vs. “infográfico marketing”).

Ao fazer pesquisa de palavras-chave para palavras relacionadas a infográficos, descobrimos que o termo “infográfico” é um bom candidato. Tinha um grande volume de pesquisa (70K-118K), uma taxa de cliques decente (60%) e alta prioridade. No entanto, teve uma pontuação de dificuldade mais difícil (57).

Tudonumclic - Infografico - keyword - estratégia de conteúdo

Dependendo do seu produto ou serviço, pode achar que as suas palavras-chave mais genéricas são opções decentes. No entanto, se eles forem muito amplos ou muito difíceis de classificar, convém explorar termos mais específicos, também conhecidos como palavras-chave de “cauda longa”. (É provável que também tenha versões delas na sua lista. Caso contrário, a sua ferramenta de palavras-chave irá oferecer sugestões de palavras-chave relacionadas.)

De seguida, pesquise as suas palavras-chave de “cauda longa”. Quanto mais pessoas pesquisam um termo, mais difícil é classificá-lo. Assim, é mais fácil segmentar um termo mais específico. As palavras-chave de “cauda longa” são as palavras ou frases mais específicas que as pessoas usam ao pesquisar algo (por exemplo, “infográfico” versus “design de infográfico”). Embora esses termos tendam a ter menos volume de pesquisa, eles são mais específicos para o seu negócio e, idealmente, têm menor concorrência.

Assim, por exemplo, como parte da nossa pesquisa de palavras-chave, descobrimos que a palavra-chave de “cauda longa” “design de infográfico” tinha um volume de pesquisa muito menor. Ainda assim, por ser uma palavra-chave altamente relevante para o nosso trabalho, ela é extremamente valiosa para nós.

Tudonumclic - Infografico - keyword - estratégia de conteúdo 2

Depois de concluir esta pesquisa pode identificar as suas palavras-chave prioritárias.

5) Verifique as classificações dos seus concorrentes

Para ajudá-lo a descobrir o que segmentar primeiro, verifique as classificações dos seus concorrentes para as suas palavras-chave de destino. Esse insight valioso pode mostrar onde está o fruto mais fácil. Por exemplo, pode encontrar um termo de pesquisa com menor volume, mas para o qual os seus concorrentes não estão classificados. Essa é uma vitória fácil que pode ajudá-lo a ganhar mais visibilidade rapidamente.

Cada empresa e setor é diferente, mas o seu objetivo deve ser classificar para o maior número possível de termos. Com esse insight combinado, pode identificar as suas prioridades de palavras-chave e, em seguida, usá-las para orientar a sua ideia de conteúdo no futuro.

Tudonumclic - desenhamos os melhores websites

6) Otimize o seu conteúdo

Não faz sentido fazer todo este trabalho se não otimizar adequadamente o seu conteúdo para as suas palavras-chave de destino, portanto, inclua palavras-chave nos seus cabeçalhos, subtítulos, títulos de imagem, corpo do artigo, etc. Felizmente, ferramentas como Yoast (nós usamos) irão ajudá-lo a otimizar o seu conteúdo, sinalizando o que está a faltar ou a oferecer sugestões. Também achamos útil criar uma lista de verificação de otimização para garantir que não se esqueça de nada.

Observação: se tiver um conteúdo mais antigo, mas ainda valioso, considere atualizá-lo ou otimizá-lo novamente para uma palavra-chave diferente para aumentar o tráfego. Isso pode ser complicado, portanto, confira o guia da HubSpot para fazer isso da maneira mais correta.

7) Rastrear, medir e ajustar

Lembre-se: a sua estratégia de palavras-chave irá evoluir com a sua estratégia de conteúdo, portanto, não desanime se não estiver a ver os resultados que gostaria. Quanto mais acompanhar, mais irá identificar formas de ajustar e melhorar. Pode achar que precisa segmentar uma palavra-chave com um volume de pesquisa menor ou maior. Ou pode descobrir que uma palavra-chave de “cauda longa” diferente tem uma conversão muito maior.

Sugerimos rever a sua estratégia trimestralmente para garantir que ela ainda funcione para o seu negócio. (Geralmente segmentamos três palavras-chave por trimestre. Às vezes elas mudam, às vezes não.)

5 /5
Based on 1 rating
100%
100%
100%

Reviewed by 1 user

    • 2 meses ago

    NM

    Wow, amazing blog structure! How long have you ever been blogging for?

    you make blogging glance easy. The whole look of your web site is excellent, let alone the content material!
    You can see similar here ecommerce

      • 2 meses ago

      Thank you very much for your comment
      We strive hard to share the best information with visitors. Visit us often

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service
Choose Image
error: ©Direitos Reservados !!
Abrir chat
1
O que podemos oferecer-lhe hoje?
Scan the code
Suporte Tudonumclic
Olá,
Temos sempre alguém pronto para falar consigo. Em que podemos ajudá-lo?